Novidades na Lei do Branqueamento

Programa

1. A 5.ª Diretiva AML, de onde viemos e para onde vamos

2. Novas entidades obrigadas, designadamente atividades com ativos virtuais e comerciantes de bens de elevado valor unitário como ouro, joias, antiguidades, aeronaves, embarcações e veículos automóveis, etc.;

3. Registo de atividades com ativos virtuais junto do Banco de Portugal

4. Algumas alterações na forma de execução dos deveres de prevenção de branqueamento

5. Novidades nos critérios de definição de beneficiários efetivos de pessoas coletivas

6. Alteração à obrigação de reporte de negócios imobiliários

7. Outras alterações, nomeadamente ao Regime Jurídico do Registo Central de Beneficiário Efetivo

Image Alt

Curso

  /  E-learning  /  Novidades na Lei do Branqueamento

Novidades na Lei do Branqueamento

70€
Categorias:
Local:
ONLINE
Data:
10 novembro | 14h00 - 16h30
Gestão de Tesouraria - Cursos VEBS

Sobre o curso

Já ouviu falar da nova Diretiva AML (anti-money laundering)? Conhece as implicações das recentes alterações legais relativas à prevenção do branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo? Sabia que há novidades para os setores dos ativos virtuais, dos organismos de investimento coletivo ou dos comerciantes de bens de elevado valor unitário, entre outras atividades? E sabia que as empresas estão obrigadas, nos termos legais, a providenciar formação especializada nesta área aos seus trabalhadores?

Se quer ficar a saber quais as mudanças que entram em vigor e de que forma elas podem ter impacto na sua empresa, esta formação irá dar-lhe uma compreensão geral do que aí vem no domínio da prevenção do branqueamento de capitais.

FORMADOR – João Rodrigues Brito, advogado e associado principal na Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados

Organizadores:

B-Law e Vida Económica

Assinantes VE: 60€

Destinatários

Programa

1. A 5.ª Diretiva AML, de onde viemos e para onde vamos

2. Novas entidades obrigadas, designadamente atividades com ativos virtuais e comerciantes de bens de elevado valor unitário como ouro, joias, antiguidades, aeronaves, embarcações e veículos automóveis, etc.;

3. Registo de atividades com ativos virtuais junto do Banco de Portugal

4. Algumas alterações na forma de execução dos deveres de prevenção de branqueamento

5. Novidades nos critérios de definição de beneficiários efetivos de pessoas coletivas

6. Alteração à obrigação de reporte de negócios imobiliários

7. Outras alterações, nomeadamente ao Regime Jurídico do Registo Central de Beneficiário Efetivo

Membros

Lorem Ipsn gravida nibh vel velit auctor aliquet. Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auci elit consequat ipsutis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris. Morbi accumsan ipsum velit. Nam nec tellus a odio tincidunt auctor a ornare odio. Sed non mauris vitae erat consequat auctor eu in elit.

Total number of students in course:

Assinantes VE: 60€
É assinante?
Sim
Não
Quantidade